Deputado Jerônimo Goergen

18Outubro2017

“Vamos fazer de tudo para pacificar os ânimos e encontrar uma saída”, declara Sergio Souza

funrural audiencia publica          As comissões de Agricultura da Câmara e do Senado vão promover no próximo dia três de maio uma audiência pública em conjunto para debater e avaliar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que  dia 30 de março passado tornou constitucional a cobrança do Funrural. Os parlamentares que defendem o agronegócio entendem que esta decisão gerou insegurança no setor e poderá levar às ruas, principalmente em Brasília, uma multidão de agricultores em manifestações de protesto.

          Requerimentos com essa proposta -  de autoria dos deputados Jerônimo Goergen (PP-RS) e Luis Carlos Heinze (PP-RS) -  subscritos pelos parlamentares Afonso Hamm (PP-RS), Dulce Miranda (PMDB-TO), Adilton Sachetti (PSB-MT), Nilson Leitão (PSDB-MT) e Valdir Colatto (PMDB-SC),  foram aprovados hoje  (19) na sessão deliberativa da Comissão de Agricultura da Câmara Federal. No Senado Federal, a iniciativa aprovada foi do senador Ronaldo Caiado (DEM-GO).

Emenda apresentada pelos deputados Jerônimo Goergen (PP-RS) e Danilo Coelho (PSDB-PE) passará por avaliação técnica do governo

caetano previdencia           O secretário da Previdência Social do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano, recebeu nesta terça-feira (11) o deputado Jerônimo Goergen (PP-RS), para discutir a emenda que prevê a criação de um novo sistema previdenciário para os brasileiros nascidos a partir do ano 2000. O novo modelo, batizado de Previdência Livre, foi apresentado na comissão especial da PEC 287/2016. Jerônimo e o deputado Danilo Coelho (PSDB-PE) são os autores do texto, construído em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e o Movimento Brasil Livre (MBL).

          Segundo Jerônimo, o secretário da Previdência Social ficou de analisar os principais aspectos da emenda e fazer uma avalição com os técnicos do governo sobre a viabilidade do novo formato. “Se o governo quer fazer uma verdadeira reforma, precisa sentar e conversar com os parlamentares. Temos muitas sugestões a fazer e queremos melhorar o texto original. A PEC, do jeito que está, não resolve o problema da Previdência. O rombo volta lá na frente e vamos ter que fazer uma nova alteração daqui a 20 ou 30 anos”, destacou o parlamentar.

Deputado Jerônimo Goergen (PP-RS) se reuniu com diretores da Telefônica Vivo e obteve a garantia de que serão investidos R$ 25 milhões na região

celular shutter          A operadora de telefonia móvel Vivo pretende investir em 2017 cerca de R$ 25 milhões nos municípios de fronteira do Rio Grande do Sul. Os recursos serão utilizados para melhorar a qualidade do sinal e dos serviços prestados aos consumidores gaúchos. Segundo o gerente da divisão de assuntos institucionais da Vivo, Fabiano Carvalho, a iniciativa prevê a ampliação da rede 4G, a adequação da rede 3G para uma frequência livre da interferência de sinal e a implantação de novas antenas.

          Autor do novo marco regulatório das telecomunicações, o deputado Jerônimo Goergen (PP-RS) vem acompanhando de perto as constantes reclamações dos consumidores gaúchos, em especial às comunidades de fronteira. “A insatisfação no interior é grande, onde o serviço é de má qualidade e as pessoas ficam incomunicáveis. Espero que a nossa cobrança surta efeito com esse plano de investimento confirmado pela operadora”, destacou. O parlamentar se reuniu com diretores da companhia e relatou pessoalmente as reclamações. Segundo Jerônimo, a ausência de sinal prejudica a rotina das pessoas e impacta diretamente na economia local.

Página 3 de 227

Saiu na imprensa

Brasília
Câmara dos Deputados
Anexo IV, Gabinete 316 
CEP: 70160-900 - Brasília - DF
(61) 3215-5316 | (61) 3215-2316
Porto Alegre 
Praça Marechal Deodoro, 130
Sala 1301, Centro
CEP: 90010-300
Fone: (51) 3286-1133

Siga o Deputado Jerônimo